Bandidos de Cristo proíbem cultos de Candomblé em Duque de Caxias…

Publicado por Griot Brazil em

Por: Agencia Afro – Direto da Redação

BANDIDOS DE CRISTO PROÍBEM 15 BARRACÕES DE CANDOMBLÉ DE FUNCIONAREM EM DUQUE DE CAXIAS, BELFORD ROXO É A PRÓXIMA VITIMA.

Depois de Nova Iguaçu com quase 25 barracões invadidos , depredados , cidadãos e fiéis sendo ameaçados de morte e com sua fé vilipendiada , agora é a vez de Duque de Caxias , ocupar as manchetes das redes sociais.
Segundo denúncias anônimas que chegaram em nossa Redação, uma facção criminosa em Duque de Caxias, conhecidos como Bandidos de Cristo, percorreram 15 barracões de candomblés e de umbanda no bairro Gramacho, chegando no Parque São José em Duque de Caxias, Baixada Fluminense ,no Estado do Rio de Janeiro.

Fotogafia By Marcellus Pequeno

Fotogafia: By Marcelus Pequeno

Um grupo de traficantes evangélicos , chefiado por um chefão Pastor , ordenou que todos os barracões estão proibidos de realizarem suas funções e festas. Segundo a denuncia os citados meliantes foram educados , não invadiram e nem quebraram nada , como também não expulsaram ninguém e foram bem taxativos em dizer que a ordem foi determinada pelo Chefe e que apenas ele não quer que os terreiros de umbanda e candomblé funcione . Isto ocorreu nos bairros: Barro Vermelho, Gramacho na Reta Bicão , o Bairro São José e as ordens já estão chegando também no Município de Belford Roxo no bairro Bom Pastor.

Os denunciantes estão com medos e se negam a registrar as denúncias na Delegacia Policial de Duque de Caxias , pois disseram que a única coisa que a Policia faz é registrar a queixa e quando se consegue registrar , porque muitas Delegacias se negam ainda . Outro denunciante perguntou quem protege o barracão depois da denuncia e o registro ? , ninguém segundo ele , pois tem medo das retaliações e serem alvo de morte, pois a policia do RJ não tem mais condição de dar segurança aos cariocas e fluminenses deste Estado ,lamentavelmente ..
Este ano depois de deúncia do Ministério Publico Federal contra a Prefeitura de Nova Iguaçu , seguidores e lideranças das Comunidades de Povos Tradicionais de Matriz Africana estão organizando a Primeira Caminhada Inter Religiosa da Baixada Fluminense , que ocorrerá dia 14 de julho na Via Light.
No Rio ,Capital do Estado , a Zona Oeste é a Região mais atacada , e este ano a MIR -ZO/Rj , Movimento Inter Religioso da Zona Oeste da Cidade do Rio de Janeiro, realiza sua terceira edição da Caminhada de Diversidade Religiosa ,em Campo Grande , com intuito de se chegar ao fim destas atrocidades e depositam ainda suas esperanças na DECRADI RJ , Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância Religiosa .

A CCIR – RJ ( Comissão de Combate à Intolerância Religiosa do Estado do RJ ) e o CEAP-RJ ( Centro de Articulação de População Marginalizada do RJ ) realizam este ano a 12 º Edição da Caminhada Nacional em Defesa da Liberdade Religiosa do RJ , todos os anos no terceiro domingo do mês de setembro , no Posto 4 em Copacabana. Sua ultíma edição no ano passado reuniu cerca de 100 mil participantes de quase 30 denominações religiosas, trabalho este desenvolvido pelo Interlocutor do Fórum Inter Religioso , da CCIR e do CEAP , junto com sua Equipe o Babalawô Prof. Dr. Ivanir dos Santos .
Mais uma vez o Agen Afro encaminhará tal denuncia a CCIR , para que acompanhe e realize os devidos encaminhamentos ao Poder Publico e as autoridades policiais deste Estado .


0 comentário

Deixe aqui o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: