Plataforma carioca propõe turismo pela diáspora…

Publicado por Griot Brazil em

Este projeto é formidável e pode de certa forma ajudar muitos irmãos(ãs) tanto em Diáspora quanto em África . Precisamos e devemos apoiar iniciativas como estas, feitas por nossa gente e sem aquele raço racista que não raro vemos quando alguém de fora tenta explorar um mercado em desenvolvimento apenas por interesses finaceiros. Neste caso não, são pessoas de dentro de nossa comunidade buscando empreender e fazer o dinheiro girar entre nós.
Esta matéria saiu na folha de São Paulo, mas eles também já estiveram em varias mídias falando sobre esse assunto. Por favor comunidade é tempo de fazermos as coisas acontecerem, não podemos mais apenas ficar de blá,blá… nas redes sociais brancas achando que isso é o máximo que podemos fazer por nosso povo e nossa gente…
Abraço fraterno a todos – Prettu Júnior

 

POR DENISE MOTA…
São bem conhecidos os casos de racismo que se estendem pelo mundo virtual e que contaminam também plataformas famosas de hospedagem planeta afora: de acordo com um estudo da Universidade de Harvard difundido no final do ano passado, por exemplo, negros têm 16% menos chances de serem aceitos em acomodações nos Estados Unidos. Na contramão disso, o Brasil acaba de ganhar uma alternativa que se propõe a oferecer, para a enorme comunidade afrodescendente local e internacional, um turismo pautado pelo sentimento de inclusão e pertencimento. Esse nicho já vem sendo explorado com sucesso há tempos pelos negros norte-americanos.

Em fase de testes, o Diaspora.Black é um serviço que funciona como ponte entre quem deseja hospedar viajantes e moradores dispostos a receber bem turistas vindos de qualquer lugar, especialmente (mas não só, claro) afrodescendentes.plataforma“É uma resposta à demanda por uma perspectiva afrocentrada, de respeito a valores culturais e superação de estigmas racistas, em diferentes segmentos – desde agências de viagem a cosméticos, moda, cultura. Também nos baseamos em outro aspecto, de auto-organização, a possibilidade de criar uma estrutura de negr@s visando movimentar a economia dessa população da qual fazemos parte”, diz ao blog Carlos Humberto Silva, um dos fundadores da iniciativa.

Leia mais AQUI…


0 comentário

Deixe aqui o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: